6 de August de 2020

Categoria: Bloggers


Clorox & Parkz – Isolda Alvarez (NLS)

2 de junho de 2020

2 de junho de 2020

Psychoanalysts invest their lives re-inventing the ways in which they deal with their own versions of the real, what jouissance...

El despertador – Patricia Moraga (EOL)

6 de Maio de 2020

6 de Maio de 2020

¿Cómo puedo estar segura de que no estoy soñando? Podría ser que, ahora mismo, lo que creo que es realidad...

El silenciamiento como violencia – Patricia Moraga (EOL)

3 de Fevereiro de 2020

3 de Fevereiro de 2020

  En Vidas precarias, Judith Butler se propone interrogar la vida política en conexión con la violencia.[1] Introduciendo el concepto...

Silencing as Violence – Patricia Moraga (EOL)

23 de Janeiro de 2020

23 de Janeiro de 2020

  In Precarious Life, Judith Butler proposes investigating the connection between political life and violence.[1] Introducing the concept of vulnerability,...

Do que fala a psicanálise quando fala de corrida – Daniela Affonso (EBP)

9 de dezembro de 2019

9 de dezembro de 2019

  “Olhei no fundo de mim mesmo, tentando detectar alguma coisa que possa estar ali. Mas assim como nossa consciência...

What psychoanalysis talks about when it talks about running – Daniela Affonso (EBP)

7 de dezembro de 2019

7 de dezembro de 2019

  “I have looked deep inside myself, trying to detect something that might be there. But just as our consciousness...

Quando o dia virou noite na maior cidade do Brasil – Marcia Stival Onyszkiewicz (EBP)

27 de novembro de 2019

27 de novembro de 2019

  Em meio às modificações na paisagem urbana, cada vez mais frequentes, a mudança climática tem expresso relevante destaque[1]. Os...

Quand le jour s’est transformé en nuit dans la plus grande ville du Brésil – Marcia Stival Onyszkiewicz (EBP)

20 de novembro de 2019

20 de novembro de 2019

Quand le jour s’est transformé en nuit dans la plus grande ville du Brésil[i]   Parmi les changements de plus...

Impotence, Impossible, Contingent… -By Isolda Arango-Alvarez (NLS)

16 de novembro de 2019

16 de novembro de 2019

The impotence of the subject is sustained in the fundamental fantasy. What language reveals once and again is its impotence...

Por onde anda a “sensibilidade inteligente”? – Marcia Stival Onyszkiewicz (EBP)

7 de julho de 2019

7 de julho de 2019

Por onde anda a “sensibilidade inteligente”[1]? Inicio minha participação no Blog da AMP, salientando ecos extraídos do cotidiano e que...